Header

INSANE CLOWN POSSE

insane_clown_posse9

Esses rivais são um dos mais velhos do Eminem. Isso começou em 1995. Aparentemente, Eminem estava distribuindo folhetos (flyers) de uma festa onde ele estaria se apresentando e, no flyer, mencionou que talvez teria uma apresentação do Insane Clown Posse (ICP). Isto é citado na música que ICP fez zoando Eminem, Nothing But A Bitch Thang: “Eu me lembro de sua bunda lá em St. Andrews Hall dando seus flyers ‘venha um, venham todos, venham para o meu show’. Eu olhei aquilo lá: Insane Clown Posse talvez se apresentará. Que porra de rapper pode ser tão cuzão, o único jeito que você desafia as pessoas é usando seu nome, eu poderia ter te fudido lá, mas eu deixei passar, eu senti pena de você.” Um dos membros do ICP viu isso e falou pro Eminem pra cair fora. Isso foi o que começou a disputa, e desde então ICP e Eminem já fizeram músicas zuando um ao outro. O ICP é formado por dois membros, Joseph Bruce (Violent J.) e Joseph Ulster (Shaggy 2 Dope). Essa dupla se originou na parte sudoeste de Detroit. Começaram com uma gangue chamada “Inner City Posse” e daí se originou um grupo chamado “Insane Clown Posse”. Eles lançaram 5 álbuns e estão acabando o sexto. Desde a briga em St. Andrew’s Hall, vários rumores se espalharam. Aparentemente, Eminem viu ICP num clube uma noite e ele e D-12 correram atrás deles e atiraram na van deles com armas de paintball. Isso está mencionado em Nothing But A Bitch Thang, quando ICP fala que é mentira: “você nunca correu atrás da gente de nenhum clube seu puto… o único clube que você já correu atrás de alguém foi num bar gay…”. Depois dessa humilhante música para Eminem, o ICP, com a ajuda de Twiztid, lançou um remix da música “My Name Is” do Eminem, chamada “Slim Anus”. No novo “The Marshall Mathers LP”, ele zoa legal o ICP. Ele responde a música Slim Anus com letras muito ofensivas. Por exemplo na faixa 11, Marshall Mathers, ele fala “Eu acho que fui colocado nesse mundo para perturbar e destruir seu filho ou filha de 4 anos. E fui colocado aqui para botar medo em viados que espirram Faygo Root Beer e que se chamam de “Palhaços (Clowns)” porque eles parecem bichas. (Faggot 2 Dope) (Shaggy 2 Dope) Viado 2 Dope e (Silent Gay) (Violent J) viado quieto, reivindicando Detroit, sendo que vocês moram 20 milhas daqui (seus desgraçados). E eu não luto wrestling, eu noqueio vocês seus porras de bicha, pergunta pra eles do clube que eles estavam quando saíram de fininho lá nos fundos quando viram agente e saíram correndo, (AHHH!) Agacharam e teve paintballs atiradas em sua perua: BLOAW! Olha vocês falando merda de novo, quando vocês nem viram a estrada de milha South of 10. E eu não preciso de ajuda do D-12 para lutar contra duas fêmeas que se vestem , que tentará me arranhar com Lee Nails (unhas postiças). “Slim Anus” você tá certo, Slim Anus, porque eu não fico fudido no meu (anus) que nem vocês seus dois viados”. Também tem uma faixa no “The Marshall Mathers LP” chamada Ken Kaniff, onde Violent J e Shaggy 2 Dope estão chupando o pau de Ken Kaniff e Ken fala pra eles falarem seu nome… e eles falam Eminem, e Ken fica puto e não deixa eles chuparem mais, hahaha, é engraçado pra caralho meu, vocês precisam ouvir. Como mencionado, a última música zuando Em do ICP é a Nothing But A Bitch Thang, e não é só um remix de uma música do Eminem como Slim Anus, é original. O ICP pensou em colocar a música no seu álbum, mas ficaram preocupados que o Eminem saísse do mapa, e assim as pessoas não iam entender a música.

Comentários

Comentários

você pode gostar também

Leave a reply

Note Before Comment Form

Note After Comment Form